Um ano se passou…

… Um ano de buscas e aprendizado.

E nesse ano algumas coisas estranhas eu aprendi… Uma delas é que o tempo é capaz de se separar do tempo!!! Hoje eu vejo que o Tempo cronológico não anda mais junto com o Tempo do meu coração, eles realmente se separaram… Olhando para traz vejo que um ano é muito tempo, mas também olho para traz e inacreditavelmente parece que foi ontem… E um ano se passou…

Aprendi que o que antes eu chamava de abstrato, é o que hoje considero de mais concreto em minha vida: O AMOR!!!  E descobri que os filhos nos ensinam isso…, enquanto eu “achava” que eu os ensinava, na realidade eu aprendia. Então eu aprendi que é o AMOR que ensina. 

Aprendi que esse amor é indestrutível, e que a morte não mata o amor e a Alessandra continua a me ensinar, porque apesar desta imensa dor, hoje eu me considero uma pessoa melhor.

Tudo passa… Mas o amor fica e com ele a saudade… Aprendi que só temos saudades das coisas boas, e é nelas que está o amor, então a saudade é o amor que fica… 

Relendo as cartas e cartões destinados a mim e ao Rafael, quando falava de família, Alessandra sempre dizia: nada e nem ninguém nunca vai separar o nosso amor… !!! 

Hoje isso ficou claro para mim, porque nesse ano, eu tive que reaprender a amar… Amar a distância… Então Pai, Mãe, Irmãos, Alessandra e Rafael… Agora eu realmente aprendi: não importa onde estamos ou estaremos o nosso amor é eterno!!! 

A você minha filha, peço a Deus que derrame suas bênçãos, que Jesus ilumine seu caminho, que Santa Terezinha entregue a rosa mais linda e perfumada para incendiar seu lindo sorriso e que Maria entregue todo meu amor no seu abraço de Mãe…

4 respostas a Um ano se passou…

  1. Niara Gardenal Oshiro disse:

    Ieda, obrigada pelo abraço de hoje, ha algum tempo já eu gostaria de ter lhe dado esse abraço. E dizer o tamanho da saudade que sinto da Alessandra. Ela fez parte de uma faze da minha vida que lembro com muito carinho, brincamos muito de barbie.
    Por mais que cada uma tenha seguido destinos diferentes jamais esqueci a nossa infância.
    Obrigada por deixar eu ter feito parte dela. Meus pensamentos e minhas saudades estarão sempre com você.
    Um grande beijo e mais outro abraço igual ao que recebi de você hoje.

    • Oi Ieda
      Tudo bem ,li esta menssagem e achei que derepente ela pudesse ajuda-la.Essa vida é sua…Encontre a força.Para escolher o que você quer fazer, E faça bem feito,Encontre a força Para amar o que você quer da vida, e ame com honestidade ,Encontre a força para andar na floresta e fazer parte da natureza ,Encontre a força, para controlar a sua própria vida, Ninguem pode fazer isso por voçê, nada é bom demais para vc .Você merece o melhor. Encontre a força para fazer sua vida saudável ,excitante.Vale a pena ser muito feliz,Assim você chegará aos seus sonhos. um grande beijo e abraço ,te adorarei sempre.(Lê e isa)

  2. Tui disse:

    …e com o passar dos anos nossa alma evoluirá, Tia, pois só assim conseguiremos, serenamente, amar sem tocar, amar sem ouvir, amar sem ver… quando o amor se manifesta na sua forma mais pura e sublime…

    Saudades sem fim

    Tui

  3. Ola Ieda,boa tarde!!! Não nos conhecemos,acabei de ver o seu site,fiquei muito emocionada,não posso dizer que sei ou imagino a sua dor,por que só quem passa por essa situação é quem sabe,tenho 32 anos e tenho uma princesa de 15 aninhos ela é meu anjo, meu presente de Deus,o amor que sinto por ela,não tem tamanho nem explicação,tudo o que eu e meu esposo fazemos é por e pra ela,trabalho na UTI do HR daqui de Presidente Prudente,achei linda a sua iniciativa,que Deus lhe abençoe e lhe de muita força para nunca desistir dos seus objetivos,pois tenha a certeza de que um dia vcs ainda vão se encontrar de novo,fique com Deus,beijinhos!!!!!!

Deixe uma resposta para Alessandra Camacho Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


4 × = doze

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>